Anne's Thinking Box

Item nº: SCP-021-PT

Classe de Objeto: Keter

Procedimentos Especiais de Contenção: Devido as características geográficas de SCP-021-PT, este não pode ser transportado para nenhuma instalação segura da Fundação. O corpo hídrico precedendo a entrada da zona onde SCP-021-PT se encontra deverá ser guarnecida pelo Navio de Pesquisas Hidroceanográficas da Fundação "Dama das Neves", definida como uma zona de exploração científica sob os cuidados de uma iniciativa privada; cronogramas de manutenção e suprimentação (incluindo recursos humanos) citados no anexo da documentação relevante Operação: Ártico.

O manuseio de equipamentos capazes de ocasionar dados estruturais deve ser realizado de forma cautelosa; elementos explosivos, ou de capacidade explosiva que não sejam essenciais para a manutenção da custódia de SCP-021-PT devem ser mantidos em estoque. Em caso de de recessão ocasionada por influência natural ou humana que comprometa a cobertura da estrutura interna do objeto, o Protocolo Igloo deverá ser acionado, e uma base instituida ao redor de SCP-021-PT para acobertá-lo.

Funcionários presentes na contenção de SCP-021-PT devem evitar participar de maneira passiva ou ativa de apresentações realizadas por instâncias de SCP-021-PT-1. Visualização por indivíduos no local é explicitamente proibida, sendo preterível sua realização de maneira remota por meios audiovisuais captados por equipamento préviamente disposto no local. Indivíduos convertidos completamente devem ser considerados perdidos.

Instâncias SCP-021-PT-1 devem ser tratadas com cautela apesar de sua natureza amigável; suas apresentações não devem ser interferidas por nenhum agente externo. Requisições por estas instâncias devem ser providas à critério do conselho expedicionário. Durante eventos SCP-021-PT-B, o Protocolo Vigília deverá ser ativado, durante qual, instâncias -1 deverão ser extraídas de 021-PT e protegidas até o próximo período válido de apresentação1, quaisquer instâncias de SCP-021-PT-3 devem ser liquidadas à primeiro contato.


WasserEisbergMeerOzeanAntarktis.png

Exterior de SCP-021-PT, contido no Oceano Antártico.

Descrição: SCP-021-PT é um icerberg marítimo encontrado encontrado à deriva deslocando-se em direção à costa do Estado de Santa Catarina, no Brasil. Foi inicialmente avistado2 deslocando-se pela região sul-litorânea da Argentina e Uruguai e por embarcações navegando os oceanos Antártico e Atlântico. SCP-021-PT fora rebocado, e ancorado novamente no Oceano Antártico, atualmente com seu estado estacionário inalterado por correntes marítimas.

SCP-021-PT abriga uma caverna glacial de lapa, predominantemente horizontal de salão único antecedido por um corredor de meandro (diretamente conectado à uma espécie de entrada para os bastidores), abrigando a estrutura parcial de um teatro3 é simétrica-semicircular, possuindo parterre, loges, e três galerias, que são ocupadas por ~170 instâncias de SCP-021-PT-2.

A arquitetura, bem como seus assentos exibem sinais de congelamento, e falta de manutenção, com pequenas áreas totalmente arruinadas devido à exposição; o proscênio, e a parterre são divididos por uma ruptura irregular de 20 metros de diâmetro por 50 metros de profundidade4.


No interior desta estrutura existem atualmente cinco5 instâncias de entidades humanoides de aparências são similares à de indivíduos andróginos humanos, denominadas SCP-021-PT-1, atualmente de A até E. São compreendidas de um material vítreo-cristalino similar à gelo. O vestuário comum, e as fantasias utilizadas por estas instâncias são adaptadas para as condições climáticas da região, normalmente de maneira lúdica. Estas instâncias apresentam capacidades e funcionamento fisiologicos humanos porém não necessitam de manutenção dos mesmos; seus crânios não apresentam cavidades nasais ou oculares.

Estas instâncias são geralmente afáveis6, sendo capazes de comunicar-se em inglês, italiano e francês. Suas habilidades e perícias são variadas porém são normalmente conectadas à performances artísticas.7

SCP-021-PT-1, invaríavelmente, são psicofísicamente condicionadas a apresentarem-se de maneira compulsória em três sessões — diurna (8:30 GMT), vespertina (17:30 GMT) e noturna (22:30 GMT) — com durações e conteúdos varíaveis8, esporádicamente durante a semana; ao final dos quais, um Evento SCP-021-PT A ou B irá ocorrer dependendo da performance artística dos apresentados enquanto julgadas por instâncias de SCP-021-PT-2.

Eventos A: Ocorrem quando pelo menos 2/3, ou mais, das instâncias presentes na platéia demonstram satisfação qualitativa em relação às apresentações realizadas;

Eventos B: Ocorrem quando pelo menos 2/3, ou mais, das instâncias presentes na platéia demonstram insatisfação qualitativa em relação às apresentações realizadas. Nestes eventos, instâncias de SCP-021-PT-3 irão se manifestar na área encompassada pelo ruptura separando as áreas do palco e da platéia até o momento da próxima apresentação.

A satisfação própriamente dita é arbitrária e mensurada pela intensidade da ovação realizada por instâncias -2, expressando euforia por meio de aplausos, produzindo sons — de maneira desconhecida —, atirando buquês e/ou recados — de conteúdo variável — para os artistas — também de maneira desconhecida, visto que entidades não apresentam possessão de outros objetos — e levantando-se. Ações similares, porém negativas serão produzidas em Eventos B.

Qualquer indivíduo humano presente no palco ou auditório interagindo de maneira ativa9 com a performance realizada por instâncias -1 ou -2 irá sofrer um processo de transfiguração, interruptível — mas irreversível até o momento — caso o indivíduo seja removido do local imediato, ocorrendo por meio da transmutação de tecido humano para a substância vítrea compondo entidades de SCP-021-PT. Áreas afetadas, inicialmente as extremidades, sofrem dores agudas durante a conversão, forçando o indivíduo à um estado de síncope.


SCP-021-PT-2 são instâncias fisicamente similares à entidades -1, estando presentes nas áreas designadas à platéia. O vestuário destas entidades apresenta elementos característicos de diversos estilos, comumente com as regiões quais SCP-021-PT foi avistado antes de ser contido. Normalmente encontram-se em um estado de estase que é apenas suspenso durante eventos de apresentações programadas.

SCP-021-PT-3 são verissimilares à entidades -1 e -2, porém possuem comportamento extremamente agressivo, exibindo hostilidade em relação à instâncias -1, e indivíduos humanos presentes no local; movendo-se de forma letárgica e errática, como se sofressem de convulsões epiléticas. Suas características fisiológicas são extremamente varíaveis, à exceção de suas mandíbulas, que aparentam ser destacáveis, permitindo abrirem suas bocas em até 90º.

Instâncias de SCP-021-PT-3 possuem resistência física vítrea, porém são capazes de permanecerem ativas mesmo com a deficiência de apêndices cruciais como a cabeça, ou o tronco; quando avariadas, ou destruídas, exsanguinarão uma substância viscosa cristalina, que caso entre em contato com apêndices avariados ou subtraídos de instâncias -3, regenerarão-os, ou fundirão-se em novos constructos.

Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License