cauazinlindaum
avaliação: 0+x

Para que serve esse módulo de avaliação? Quanto mais votos melhor? Eu não ligo.

AVISO

A documentação que você está lendo agora, é uma versão arquivada mantida apenas para funcionários de Nível 3 ou inferior, para a necessidade de conhecimento básico sobre SCP-103-PT. A atual versão do documento de SCP-103-PT está disponível apenas para funcionários com credenciais de acesso de Nível 4 ou superior.

Bem, você sabe que não precisa de credenciais para acessar isso. Isso não é real mesmo, não vai acontecer nada se você desrespeitar essas regras inexistentes.

Item nº: SCP-103-PT

O meu verdadeiro nome é Billy Shears Campbell. Me chame pelo meu nome, não de "SCP-103-PT".

Classe do Objeto: Seguro

Eu não vou machucar você. Apenas me trate como uma pessoa que não seja Paul McCartney.

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-103-PT é acomodado em uma cela de contenção de baixa-segurança, que está localizada na instalações da Área-14-PT. A cela de contenção de SCP-103-PT deverá ser monitorada por três (3) guardas de segurança armados. SCP-103-PT é permitido de sair de sua cela de contenção para realizar ações recreativas nas instalações da Área-14-PT, mas SCP-103-PT deverá ser levado de volta para a contenção depois disso. Funcionários são permitidos de se-encontrarem com SCP-103-PT, mas no caso das credenciais de acesso serem de Nível 3 ou inferior, isso poderá requirir a aprovação manuscrita de três funcionários com credenciais de Nível 4.

Eu quero ter uma vida normal, para de me tratar como um prisoneiro.

103.jpg

Uma foto minha? Esse sou eu? Eu não sei de onde você conseguiu isso.

Descrição: SCP-103-PT possui a aparência de um homem Canadense entre seus vinte-e-três (23) anos de idade, e que aparentemente sofre de transtorno de ansiedade. SCP-103-PT se-recusa a dar suas informações para os funcionários da Fundação, sempre respondendo de forma ofensiva ou ignorando os funcionários durante as entrevistas. Na tentativa da Fundação entrevistar os civis que testemunharam SCP-103-PT, a maioria dos civis tinham confundido SCP-103-PT e afirmaram que ele era James Paul McCartney (daqui em diante, referido como POI-103), enquanto alguns civis sem-teto no local respondiam que SCP-103-PT era Billy Shears Campbell. Apos cada entrevista, os civis receberam o tratamento com amnésticos de Classe-B e foram liberados.

Sim, eu sou Billy Shears Campbell. Meus amigos de rua sabem disso. Você também deveria saber disso.

As propriedades anômalas de SCP-103-PT são as suas qualidades físicas que por alguma maneira desconhecida, possuem uma perfeita semelhança com as do POI-103, produtor musical dos Beatles. Independente de sua aparência anômala, SCP-103-PT ainda possui algumas diferenças ao ser comparado com POI-103, e isso inclui as características do rosto de SCP-103-PT, que são um pouco diferentes comparando com POI-103. Ao ser perguntado sobre isso, SCP-103-PT respondeu que não sabia como era capaz de se-assemelhar peritamente com POI-103, e também disse que não tinha a intenção de se-assemelhar com POI-103. Atualmente, não foram observadas outras propriedades anômalas de SCP-103-PT além dessas, mas também não foi confirmado se isso é um efeito memético não-intencional de SCP-103-PT que faz com que seus observadores achem que ele é POI-103, ou se SCP-103-PT realmente se-assemelha ao POI-103.

Eu nunca vi algo tão ridículo. Eu sou o único e sou somente Billy Shears, não sou ninguém além de Billy Shears. Eu sou Billy Shears!

Em 11/06/19██, SCP-103-PT foi descoberto pelos membros da Força Tarefa Móvel Pi-1 ("Malandros da Cidade") em Liverpool na Inglaterra, Reino Unido. O objetivo original da equipe FTM Pi-1 era procurar por mais instâncias de SCP-617 fora de contenção, mas graças ao método de separação da equipe no local, SCP-103-PT foi encontrado dormindo e sem nenhuma assistência em um local escondido na Catedral de Liverpool. SCP-103-PT foi acordado por três agentes da equipe FTM Pi-1 e recebeu sustento, mas devido a aparência anômala de SCP-103-PT e que POI-103 estava em Strawberry Field, mais agentes da equipe foram atraídos para o local e SCP-103-PT foi levado para a contenção. Vários civis estavam presentes no momento da contenção de SCP-103-PT, e um falso relatório sobre o incidente e o tratamento com amnésticos de Classe-B foi feito.

Eu só quero viver a vida que eu tenho, eu quero ser eu mesmo, quero ser Billy Shears. Eu sou tão parecido com ele? Eu não estou copiando ninguém! Muito menos o Paul McCartney!


SCP-103-PT » Informação Suplementar de SCP-103-PT

Eu sei que você nem precisou de credenciais pra isso. Você apenas foi na "atual versão do documento" e ta-dah! Você está aqui. Claro, fingir que você está precisando de credenciais pra isso poderá melhorar a sua experiencia na leitura.

Item nº: SCP-103-PT

Pare de me chamar de "SCP-103-PT", me chame de Billy Shears!

Classe do Objeto: Keter

Eu posso piorar se você continuar assim. Por favor, deixa eu sair dessa droga de prisão. O que foi que eu fiz?

Procedimentos Especiais de Contenção: SCP-103-PT é acomodado em uma cela de contenção de baixa-segurança, que está localizada na instalações da Área-14-PT. A cela de contenção de SCP-103-PT deverá ser monitorada por três (3) guardas de segurança armados. SCP-103-PT é permitido de sair de sua cela de contenção para realizar ações recreativas nas instalações da Área-14-PT, mas SCP-103-PT deverá ser levado de volta para a contenção depois disso. Funcionários são permitidos de se-encontrarem com SCP-103-PT, mas no caso das credenciais de acesso serem de Nível 3 ou inferior, isso poderá requirir a aprovação manuscrita de três funcionários com credenciais de Nível 4. Atualmente, SCP-103-PT não apresenta hostilidade ativa e a atual cela de contenção que contem SCP-103-PT mostrou ser o suficiente.

Eu realmente não tenho lugar para onde ir e essa "cela de contenção" poderá servir como um quarto de hospedagem. Bem, não tem muita diferença ai, recomendo que vá para o próximo parágrafo.

No caso de uma tentativa de violação de contenção causada por SCP-103-PT, todos os funcionários designados e todas as anomalias contidas na Área-14-PT deverão ser evacuados imediatamente. Cinco (5) painéis de Âncora de Realidade Scranton deverão ser estabelecidos em torno de toda a Área-14-PT, e serão utilizados para reverter os danos causados por SCP-103-PT na Área-14-PT, e neutralizar temporariamente as capacidades de manipulação de realidade e enfraquecer SCP-103-PT. No caso dos danos causados por SCP-103-PT serem irreversíveis, todos os funcionários e anomalias da Área-14-PT serão transferidos para outra Área designada da Fundação. A repetição dessas violações de contenção, poderá resultar na decisão de neutralizar SCP-103-PT, e isso será decidido de acordo com cada membro do Comando O5.

Eh, posso ver que tem algumas diferenças aqui. Por enquanto eles não vão fazer nada, posso andar livremente pela Área-14-PT se eu continuar se-comportando, mas se eu tentar fugir dessa prisão, eles vão usar essas "maquinas super-poderosas" para reverter todo o dano causado por mim, e também acham que isso poderá me deter de alguma maneira. Bem, já que isso tudo é de mentirinha, então eu posso fazer o que quiser, enquanto eles ficam brincando de "super-heróis".

103.jpg

Esse sou eu de novo. Bem, até que tenho que admitir, sou um pouquinho parecido com o Paul McCartney.

Descrição: SCP-103-PT possui a aparência de um homem Canadense entre seus vinte-e-três (23) anos de idade, e que aparentemente sofre de transtorno de ansiedade. SCP-103-PT se-recusa a dar suas informações para os funcionários da Fundação, sempre respondendo de forma ofensiva ou ignorando os funcionários durante as entrevistas. Na tentativa da Fundação entrevistar os civis que testemunharam SCP-103-PT, a maioria dos civis tinham confundido SCP-103-PT e afirmaram que ele era James Paul McCartney (daqui em diante, referido como POI-103), enquanto alguns civis sem-teto no local respondiam que SCP-103-PT era Billy Shears Campbell. Apos cada entrevista, os civis receberam o tratamento com amnésticos de Classe-B e foram liberados.

Nenhuma diferença notável nesse parágrafo, vamos para o próximo.

As propriedades anômalas primárias de SCP-103-PT são as suas qualidades físicas que por alguma maneira desconhecida, possuem uma perfeita semelhança com as do POI-103, produtor musical dos Beatles. Independente de sua aparência anômala, SCP-103-PT ainda possui algumas diferenças ao ser comparado com POI-103, e isso inclui as características do rosto de SCP-103-PT, que são um pouco diferentes comparando com POI-103. Ao ser perguntado sobre isso, SCP-103-PT respondeu que não sabia como era capaz de se-assemelhar peritamente com POI-103, e também disse que não tinha a intenção de se-assemelhar com POI-103. Atualmente, não foram observadas outras propriedades anômalas de SCP-103-PT além dessas, mas também não foi confirmado se isso é um efeito memético não-intencional de SCP-103-PT que faz com que seus observadores achem que ele é POI-103, ou se SCP-103-PT realmente se-assemelha ao POI-103.

Nada aqui também… bem, nesse paragrafo está escrito "propriedades anômalas primárias" e não tinha isso na documentação anterior. De qualquer maneira, não tem nada de diferente além disso. Vamos para o próximo paragrafo.

Foi descoberto recentemente, as possíveis propriedades anômalas secundárias de SCP-103-PT. SCP-103-PT é capaz de manipular a realidade em uma escala aparentemente ilimitada, mas não possui nenhum conhecimento aparente sobre suas capacidades e não se-sabe se SCP-103-PT possui controle sobre suas capacidades, sendo assim SCP-103-PT foi oficialmente considerado como uma entidade capaz de manipulação de realidade de Classe-V. Essas propriedades anômalas secundárias de SCP-103-PT foram primeiramente descobertas ás cinco (5) da manhã em 09/11/1966, quando ele estava dormindo em sua cela de contenção. Durante o sono de SCP-103-PT, havia ocorrido um acidente com veículo em um cruzamento em Liverpool, dentro do veículo podia ser visto uma entidade que se-assemelhava ao POI-103.

Quando SCP-103-PT finalmente acordou, a entidade e o veículo desapareceram instantaneamente do local, a equipe Força Tarefa Móvel Gamma-5 ("Arenques Vermelhos") foi enviada para o local e a administração de amnésticos em grande-escala foi feita. Misteriosamente, quando os membros da equipe FTM Gamma-5 retornaram para a Fundação, todos os membros aparentemente tinham esquecido da administração de amnésticos em Liverpool. Não se-sabe se esse acidente realmente aconteceu em algum período no tempo, mas foi determinado para ser resultado das propriedades anômalas de SCP-103-PT e tem a teoria de que um evento de reconstrução de Classe-CK teria ocorrido quando SCP-103-PT estava começando a dormir e tinha acordado depois.

Eu posso fazer isso, eu tenho esse poder? Sério? Eu não sabia. Ah… Merda, eu acho que agora finalmente estou entendendo o que está acontecendo aqui. Não… Não… Não pode ser. Paul McCartney está morto? Espera, isso não aconteceu, eu sei disso! Ele está vivo ainda!

Em 11/06/19██, SCP-103-PT foi descoberto pelos membros da Força Tarefa Móvel Pi-1 ("Malandros da Cidade") em Liverpool na Inglaterra, Reino Unido. O objetivo original da equipe FTM Pi-1 era procurar por mais instâncias de SCP-617 fora de contenção, mas graças ao método de separação da equipe no local, SCP-103-PT foi encontrado dormindo e sem nenhuma assistência em um local escondido na Catedral de Liverpool. SCP-103-PT foi acordado por três agentes da equipe FTM Pi-1 e recebeu sustento, mas devido a aparência anômala de SCP-103-PT e que POI-103 estava em Strawberry Field, mais agentes da equipe foram atraídos para o local e SCP-103-PT foi levado para a contenção. Vários civis estavam presentes no momento da contenção de SCP-103-PT, e um falso relatório sobre o incidente e o tratamento com amnésticos de Classe-B foi feito.

Isso é algum tipo de brincadeira? Paul McCartney está vivo, eu sei disso… Espera, ele está morto, mas não na verdadeira realidade. Ele está morto nesta realidade, aonde tudo é ficção. Tudo isso que você está lendo não existe, isso nunca aconteceu, não existe nenhuma Fundação. Eu não pertenço a esse lugar, eu sou real e sei muito bem disso! Eu sou real? Me diga, eu sou real? Me responda!



Salvo indicação em contrário, o conteúdo desta página é licenciado sob Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License